Aprendendo a Programar em Python - Estruturas Condicionais - Case

  Olá Pessoal, hoje darei seqüência a esta série sobre programação em Python. Hoje irei demonstrar para vocês o uso da estrutura condicional Case.

Estrutura CASE

    No Python, não existe a estrutura CASE como em outras linguagens, porém, pode-se obter o mesmo efeito de duas formas. A primeira seria a utilização da Estrutura Condicional Aninhada, como visto anteriormente, ou utilizando um dicionário.
    Os Dicionários são umas coleções desordenadas de objetos. Futuramente irei abordar sobre Dicionários, mas o que pode ser adiantado agora é que os Dicionários possuem um conjunto de chave-valor, como podemos ver no exemplo abaixo:

Aprendendo a Programar em Python - Estruturas Condicionais - IF

Olá Pessoal, nesta terceira parte irei abortar sobre as estruturas condicionais em Python. Antes de exibir um exemplo de estrutura condicional no Python, vamos a um pouco de teoria. Uma Estrutura de Condição, como o próprio nome já diz, verifica a condição dos argumentos passados e, executa um comando caso a condição seja verdadeira, como se pode ver no algorítimo abaixo:


SE condição
ENTÃO comando


    Antes de entrarmos na análise da estrutura em Python vamos conhecer os Operadores Condicionais do Python. Os Operadores Condicionais são utilizados para fazer as comparações dos valores que são passados e retornam o valor Verdadeiro ou Falso.

Comandos Básicos do Linux – Listando Diretórios

             Olá pessoal, estarei dando inicio a uma série de explicações sobre os comandos essencias para quem precisa trabalhar com o Linux no prompt de comando.
            Este artigo é destinado aquelas pessoas que ainda estão iniciando no mundo Linux e, eventuamente necessitam acessar o Linux para realizar alguma operação. 

Aprendendo a programar com Python - Trabalhando com entrada de dados

Olá pessoal! No último artigo, demos inicio à série sobre o Python. Na ocasião, nós montamos o ambiente e fizemos nossa primeira aplicação, o clássico “Hello Word”. Pois bem, hoje mostraremos como fazer entradas de dados no Python, incrementando um pouco mais nosso aprendizado.

            Vamos criar um novo projeto, ou então usar o projeto usado no último artigo. Neste nosso exemplo, vamos criar uma aplicação que lê dois valores que o usuário digitará e no final, vamos exibir a soma dos dois. Escreva o seguinte código na aplicação.

                            12    num1 = input('Entre com o 1º valor: ')
                            13
                            14    num2 = input('Entre com o 2º valor: ')
                            15
                            16    soma = num1 + num2
                            17
                            18    print "A soma é",soma

Aprendendo a programar com Python

Olá a Todos! Aqui estarei dando inicio a uma série sobre Python e para quem está querendo aprender esta linguagem, este artigo será uma boa opção.

            Partirei do príncipio que você, leitor, não tem nenhum conhecimento sorbe a linguagem, portanto começarei do zero, explicando desde os conceitos da linguagem, passando pelo clássico “hello word” e desbravando as funcionalidades e recursos da linguagem.

O que é Phyton

            Python é uma linguagem dinâmica, interpretada, robusta, multiplataforma, multi-paradigma (orientação à objetos, funcional, reflectiva e imperativa) e está preparada para rodar em JVM e .NET Framework. Lançada em 1991 por Guido van Rossum, é uma linguagem livre (até para projetos comerciais) e hoje pode-se programar para desktops, web e mobile.